sexta-feira, 27 de maio de 2011

Cannabis Sativa: manifesto pelo debate saudável


Discutir a legalização da cannabis sativa no Brasil: bicho de 7 cabeças

Andei refletindo sobre a marcha da liberdade, a marcha da maconha e o debate que estes movimentos estão gerando. Reivindicamos a liberdade de expressão. Nosso intuito é promover o debate a respeito da cannabis sativa, uma simples erva que foi proibida há menos de um século nos países aliados aos EUA. Isso foi uma imposição do imperialismo estadunidense, motivada por interesses econômicos e de controle da liberdade da população.

Essa história de marcha da Maconha, Bob Marley, "Ei polícia maconha é uma delícia"... isso nunca vai ser levado a sério pela sociedade, nunca promoverá o debate racional que precisamos para transformar a realidade brasileira.

O fato é que a lei nunca será mudada se a mentalidade das pessoas continuar como está. A grande maioria dos brasileiros (vamos encarar a realidade) é contra a maconha.

Sabemos que os argumentos contra a legalização da cannabis e do cânhamo são baseados em preconceitos sem fundamento, em opiniões e dados falaciosos. Isso é explicitamente fomentado pela mídia de massas.

Mas a maioria das pessoas assiste TV e acredita no que ela diz. Além do mais, já são três gerações que viveram suas vidas inteiras com o proibicionismo mandando.

Essas pessoas não tem como saber que a cannabis já foi difundida e utilizada de forma medicinal e espiritual por milênios em todo o globo terrestre, além de ter sido empregada como matéria prima para as mais diversas indústrias, tratando-se de um tipo de cultivo que reduziria em muito o impacto ambiental dos materiais utilizados atualmente.

Achamos super engraçado ficar gritando "Ei delegado legalize o baseado"... Consideramos uma honra e uma homenagem estampar a figura de Robert Nesta Marley nas nossas bandeiras e camiseta...

Mas ainda somos conhecidos como "maconheiros" (com toda a carga negativa que o termo traz).

Nada disso vai promover a discussão que antecede a mudança da lei.

Maturidade é necessária para que a GANJAH, esta erva sagrada, a CANNABIS SATIVA, com seus poderes medicinais de cura, e o CÃNHAMO, material industrial ecológico, renovável e barato, sejam aceitos por nossos irmãos "caretas".

O debate precisa amadurecer dos dois lados. NÓS, que estamos insatisfeitos e que optamos por colocar as cartas na mesa, temos o DEVER de elevar o nível da discussão.

Chega desse papinho de maconheiro muleque, de usuário compulsivo bandido. Tá na hora de crescer e virar cannabista, ativista pelo uso consciente de uma erva aliada do ser humano há 50 mil anos.

O que acham?

Quem concorda, recomendo que se informe onde acontece a Marcha da Maconha mais próxima da sua casa, em: http://marchadamaconha.org

E participe também da Marcha da Liberdade que acontece Em São Paulo, no Vão Livre do MASP, sábado que vem, dia 28 de maio de 2011, às 14hs. Mais informações:
http://www.marchadaliberdade.org/2011/05/1ª-marcha-da-liberdade/

Assine a petição exigindo que os chefes de Estado e a ONU acabem com a guerra às drogas (da última vez que olhei já eram 308 mil assinaturas):
Avaaz.org - Acabem com a guerra às drogas

Se você tiver facebook, confirme também sua presença nos eventos relacionados:

Liberdade de Expressão e direito de discutir a legalização da Cannabis

Marcha da Liberdade

Agora, se você não tem coragem de assumir e sair do armário... então, meu amigo, este aqui é o seu lugar.

Artigo publicado originalmente no blog UsuárioCompulsivo. Reproduzido mediante permissão, de acordo com a licença Creative Commons.

5 comentários:

Anônimo,  25 de novembro de 2012 17:37  

Eu continuo queimando tudo ateee a utima ponta....chapado haushuasusuhsuhsuhuausausuahsasqwertychtnin

Anônimo,  25 de novembro de 2012 17:39  

Viajanduuu viajanduuuu

Juliano,  18 de julho de 2014 21:47  

Viajanduuu???? chapado????
É por causa de pessoas assim q não nos levam a sério!!!
Não é essa a finalidade da erva!!!
Comentários infelizes!!!
Jah Bless...

Anônimo,  7 de setembro de 2014 02:22  

É por causa desses adolecentes maconheiros q ficam fumando o dia inteiro e ñ fazem nada que as pessoas falam mal dos maconheiros sérios e trabalhadores!
legalize it

Gabriel Campos 15 de agosto de 2017 19:51  

Parabéns pelo texto, concordo com tudo, isso não se aplica só a cannabis, nossa sociedade precisa amadurecer em vários aspectos, sair do atraso, ta na hora de crescer e mudar isso se não nossa geração passara sem abalar o sistema, sinto como se não tivéssemos força para combater, os protestos parece não surtir efeito.

Postar um comentário

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO  

Real Time Web Analytics